Um cara no Brooklyn vê garota dançando no telhado, envia um drone com seu número

APR 01, 2020 AT 03:34 PM

47707

Quase todo mundo está de quarentena faz algumas semanas. Para os solteiros, foi a morte dos namoros. Bom, esse cara descobriu a solução perfeita.

Jeremy Cohen notou uma garota dançando no telhado de um prédio perto de sua casa no Brooklyn. Quando ela o viu, ele acenou e ela acenou de volta. Jeremy então enviou um drone para ela e foi assim que a história de amor começou. Nós perguntamos o que inspirou esse gesto romântico, e Jeremy disse: “Na verdade faz pelo menos um ano que eu não tenho um encontro. Acho que só queria um pouco de interação social, e ficar confinado entre as paredes do meu apartamento inspirou minha criatividade.”

O Próprio Jeremy

ADVERTISEMENT
Homem com uma câmera

jerm_cohen

Jeremy nos contou como está sua vida em quarentena: “Eu estou enfurnado no meu apartamento sozinho, então é definitivamente diferente da minha vida normal de ficar saindo o tempo todo (tem muita coisa pra fazer em NY!) Por enquanto, estou indo dia a dia.” Bem, felizmente, ele encontrou alguma coisa pra ocupar a cabeça nesses tempos difíceis.

Ele percebeu uma garota dançando no telhado perto de sua casa

garota dançando no telhado perto de sua casa

jerm_cohen

garota dançando

jerm_cohen

“Eu olhei pela janela e vi essa garota dançando. Precisava dizer ‘oi’.”

Foi a decisão certa, e o início de toda essa história.

Ele acenou, e ela acenou de volta

Ele acenou, e ela acenou de volta

jerm_cohen

“Então eu acenei da minha janela e ela acenou de volta.”

Interessado na garota dançando no telhado, Jeremy decidiu tentat pegar o número dela, ou pelo menos descobrir alguma coisa sobre ela.

 

Jeremy pegou seu drone e colou um pedaço de papel

Macho pegou seu drone

jerm_cohen

Homem escreve no papel

jerm_cohen

“Eu peguei fita, caneta, drone e papel. Então escrevi meus dígitos e coloquei no drone. Flertar costuma ser difícil pra mim, mas já que estou de quarentena no meu apartamento faz uma semana, eu estava louco por interação social.”

Seu drone DJI estava pronto para ser um dos personagens principais desta história romântica incrível.

Com seu número e um pedido de “manda mensagem” ele enviou o drone

Mensagem no drone

jerm_cohen

Texto da mensagem: „Manda mensagem?”

Homem controla um drone

jerm_cohen

Drone voa

jerm_cohen

O drone era sua única chance de atingir seu objetivo. A quarentena impedia que saísse de casa por qualquer motivo que não fosse mantimentos ou medicação.

Tori ficou totalmente surpresa

Menina sorrindo no telhado

jerm_cohen

A menina está rindo

jerm_cohen

“2020 começou de um jeito horrível, mas ainda precisava tentar. Ela pegou meu drone e acho que funcionou, porque mandou mensagem uma hora depois.”

E logo mais mandou uma mensagem!

mensagem

jerm_cohen

Texto da mensagem: “Oi! É a garota do telhado!”

A mensagem foi curta, mas fácil de entender. A história do drone funcionou mesmo!

“Ainda não dá pra acreditar que isso tudo aconteceu outro dia mesmo. Agora é a parte dois. Eu convidei ela pra jantar, mas ela disse ‘Como?'”

Finalmente um encontro de verdade!

Homem no telhado

jerm_cohen

Data de quarentena

jerm_cohen

Jeremy sentou em sua varanda, e Tori no telhado, obedecendo as regras de distanciamento social

“Chegam as 15h. Hora pro nosso encontro. Mas cadê ela? Brincadeira. A gente obedeceu as regras. Eu acenei da varanda, ela acenou de volta.”

Já que Jeremy é um fotografo profissional, ele tirou algumas fotos dela

Foto de uma garota no telhado

jerm_cohen

Menina sentada no telhado da casa

jerm_cohen

As fotos ficaram ótimas e agora são conhecidas no mundo todo, graças a essa história incomum de combinar um encontro a distância com ajuda de um drone e chamada de vídeo.

Ele queria ser um cavalheiro

Data por telefone

jerm_cohen

“Eu disse que ela estava linda. Então nós entramos no FaceTime e comemos nossos jantares orgânicos de micro-ondas juntos.”

“O encontro foi muito bem, e dependendo de quanto durar essa quarentena, posso acabar em um relacionamento de longa distância com alguém que mora do outro lado da rua. Eu pedi licença pra ir no banheiro. Claro que não precisava mesmo ir. Só queria contar pro meu grupo de chat como estava indo bem.”

Assista alguns vídeos do encontro

Perguntamos ao Jeremy como estão as coisas com a Tory agora, e ele disse: “Até agora muito boas, nosso primeiro encontro foi dois dias atrás e deu muito certo. Vamos ter um segundo encontro logo. É um pouco estranho com a pressão de todo mundo assistindo, comparado a um encontro normal, mas acho que eu consigo!”

Parte 1

Parte 2