Lago gelado do Michigan desfaz-se em milhões de pedaços que produzem um cenário surreal

MAR 31, 2020 AT 12:26 PM

18538

O vórtice polar manteve o Lago Michigan congelado a maior parte do inverno. Por exemplo, em Chicago, no Illinois, as temperaturas atingiram os 30 graus negativos, durante o pico do frio, provocando estratos de gelo que se formam sobre o lago – camadas criadas pelo rebentar das ondas sobre outros depósitos de gelo já existentes. Mas, eventualmente, tudo tem um fim. A primavera está a trazer um tempo mais quente a esta área, destruindo o gelo e transformando a região num reino mágico. A água que corre por baixo do gelo está a empurrar estas lâminas para a superfície, estilhaçando-as em padrões hipnotizantes, visíveis ao longo do cais de South Haven. 

Por vezes parece impossível acreditar nos tipos de coisas que a natureza consegue criar. Este lago é um lugar sereno na primavera e no verão, mas parece absolutamente irreconhecível no final do inverno, quando os primeiros amenos raios de sol aqui chegam. Esperemos que esta maravilha encantada de natureza severa traga uma nova vida a cada criatura que habita no lago. 

 

ADVERTISEMENT

ADVERTISEMENT

Por muito que as pessoas queiram capturar este espantoso fenómeno em fotos, a Guarda Costeira dos Estados Unidos tem avisado que o gelo deve apenas ser observado à distância, uma vez que é perigoso pisar ou caminhar na sua superfície instável. “Nenhum gelo é seguro, especialmente nesta altura do ano,” afirmou Grant Heffner da Guarda Costeira Norte Americana. “O gelo está a derreter e a quebrar.”

ADVERTISEMENT